PALMA BARROCA, RENDA TURCA

SANTOS, José. Sabará: A Cidade da Gente / Organização José Santos e Selma Maria;
Ilustrações Helena Küller - São Paulo: Olhares, 2022. 80p.

As turmas de 4º ano da Escola Municipal Vereador Geraldo Alves Feitoza, com as professoras Flávia Bárbara Maria Teixeira e Girlane Mara Ferreira Passos, trabalharam o tema do artesanato de Sabará, considerado um importante Patrimônio Cultural Imaterial.

Existem duas tradições sabarenses que são famosas nesse assunto: a Renda Turca e a Palma Barroca. A primeira é um tipo de renda bem delicada que é utilizada para criar paninhos lindos, sua linha é fina como uma teia de aranha… Já a Palma Barroca, como nos explicou a aluna Rafaela Viana Catarino, é o nome para os conhecidos arranjos florais da nossa cidade, feitos com chapas metálicas banhadas a ouro. Tem como fazê-los com vários materiais como papéis e tecidos, mas por aqui esses são menos conhecidos.

Valorizar o artesanato da nossa cidade é também valorizar os sabarenses, pois todas as tradições só permanecem vivas se o conhecimento delas é passado de geração em geração. E isso os alunos aprenderam…

Geração em Geração
Passado de geração em geração
Por mãos de habilidosos artesãos
A Palma Barroca surgiu.

Um estilo único de trabalhar
A arte barroca
Em um formato triangular.

Lâmina de cobre ou latão
Nas chamas do fogão
Para ficar maleável então.

A Palma Barroca é arte
Que existe uma diversidade
Que os portugueses trouxeram para nós.
Ana Luíza Fagundes Martins da Silva
M. Vereador Geraldo Alves Feitoza

 

A Palma Barroca chegou ao Brasil trazida pelos portugueses. No século XVIII, período em que floresce o movimento artístico barroco em Minas Gerais, essa técnica de artesanato passa também a ter mais força. Nas décadas de 1980 e 1990, aconteceu um grande empenho para a retomada da Palma Barroca, pelo Museu do Ouro, pela Secretaria de Cultura do Estado, pela Prefeitura de Sabará e pela escola de arte Abapuru.
Foi no ano de 1998, com a parceria com essa escola de arte, que a técnica utilizando metal e banhos de ouro nas peças ficou famosa em Sabará.

Palma Barroca
Palma Barroca
Essa herança portuguesa
Tem muita riqueza
Na região de Sabará.

No século XVIII
Veio pra enfeitar
Igrejas do nosso município
Chegou pra encantar.

Chapas metálicas
Banhadas a ouro
Detalhes no Barroco
Fez um tesouro!
Isaque Nunes Rodrigues Felix, 4º ano
M. Vereador Geraldo Alves Feitoza

 

A Renda Turca em Sabará foi pouco difundida por um tempo… Foi em 1983 que, por meio de um programa educativo do Museu do Ouro e com o incentivo das artesãs Nilza e Nayla Starling, a prática foi retomada. E até hoje é um sucesso!
Apesar disso, até hoje a origem desse artesanato é um mistério. Alguns acreditam que tenha origem em territórios árabes, mais especificamente na Palestina. Outros, como a Nilza Starling, acham que ela vem de uma tradição difundida por freiras portuguesas. Já uma aluna, acompanhada pela professora Flávia, encontrou informações de que essa tradição sabarense veio de artesãos mineiros e nordestinos.

Singeleza Sabarense
No século XVIII, na nossa linda Sabará
Chegou a renda Turca de Bicos.
Tão encantadora ao olhar.
Sua origem veio de artesãos mineiros e nordestinos.
A técnica é muito antiga
Seus pontos são costurados com agulhas de tapeçaria
Na cidade da jabuticaba
A renda turca foi adaptada
O estilo local levou o nome de Singeleza
Ganhou uma forma nova
Sem perder sua beleza.
Ana Luiza de Moura Silva, 4º ano
M. Vereador Geraldo Alves Feitoza

 

Renda Turca
Use sua criatividade
Também sua imaginação,
Casacos, toalhas
E forros de montão!

Preste muita atenção!
Não é tricô, nem crochê
É linha bem fininha,
Faça dessa arte uma bela decoração!
Miguel Arthur Martins de Souza, 4º ano
M. Vereador Geraldo Alves Feitoza

Para fechar este capítulo, vejam só que lindo poema coletivo a turma acompanhada pela professora Girlane Mara Ferreira Passos escreveu sobre essas duas tradições sabarenses:

 

Artesanato de Sabará
A cidade de Sabará
tem muito a contar
e muito a te mostrar.

A cultura é variada
e nosso artesanato,
muito apreciado.

A Palma Barroca,
divino arranjo floral,
se encontra em qualquer local.

Trazida no século dezoito,
bela herança portuguesa,
isso é com certeza!

Feita de tecido, madeira,
e banhada a ouro,
é linda de qualquer maneira!

A Renda Turca
feita com agulha e linha,
quanta maravilha!

No Brasil,
é Renda Turca de bicos,
na Itália, é Puntino Ad Ago.

Arte bem antiga,
técnica muito usada
em vestidos, forros e acessórios.

Se quiser conhecer mais,
venha nos visitar
e não esquecerá jamais.